Sem-abrigo: O Olhar

Autor: Jéssica Andreia Camacho Cova

NºRegisto: 4236

Introdução:

A realização do presente trabalho tem por base o culminar de três anos
de aprendizagem, partilha, troca de experiências e vivências. A Prova de
Aptidão Profissional (PAP) consta do plano curricular dos cursos técnico
profissionais da Escola Profissional Atlântico, o que por essa razão é
obrigatória a sua realização e defesa.
A Prova de Aptidão Profissional tem como objetivo desenvolver um
projeto profissional e pessoal, baseado nos conhecimentos adquiridos durantes os três anos do curso. O projeto deve ser encarado como um modelo estruturante para um futuro profissional, e como preparação para as necessidades da sociedade em que possamos ser inseridos.
O tema escolhido incide no estudo da população dos sem-abrigo, pelo
qual o projeto é designado por “Sem-Abrigo: O Olhar”, visa apresentar o
interesse pessoal e as várias sensibilizações nesta realidade social, passa
também por perceber e contextualizar este público-alvo, pois é uma população que apresenta muitas carências, a todos os níveis, desde económicas a sociais.
A abordagem desta temática é complexa, devido às diferentes e
variadas perspetivas desta análise, o que pode refletir como obstáculos num conceito operacional. Para simplificar este processo foi necessário no início elaborar o anteprojeto1, que contempla os principais objetivos a atingir durante toda a pesquisa e a organização e planeamento das atividades a realizar como componente prática, de forma a demonstrar a aptidão profissional.
O presente trabalho está dividido em duas partes. A primeira parte
contempla o enquadramento teórico, onde serão apresentadas várias teorias que explicam esta problemática. A segunda parte incide numa componente mais prática, após explorar a teoria apresentaremos atividades que vão de encontro à minimização de situações de discriminação contra a população sem-abrigo, será realizado um estudo empírico atendendo à problemática eminvestigação e serão expostas as atividades realizadas na sociedade escolhida (Sem-abrigo).
No decorrer de todo o trabalho, serão realizadas as respetivas
avaliações2, de forma a verificar se o que estamos a fazer deve ou não ser
melhorado. A pesquisa quando orientada e avaliada permite que os nossos
erros sejam mais circunscritos e possíveis de corrigir.
Por último, serão apresentadas as principais considerações que a
investigação levou a cabo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *